Educação

Secretaria de Estado da Educação

Acessibilidade: A+ A() A-

 NOTÍCIAS

Docentes são capacitados no Programa de Aprendizagem no Amapá

Por: Caroline Mesquita - 13/11/2017 - 07:39

Foto: Erich Macias

O II Ciclo de Formação do Programa de Aprendizagem no Amapá (Paap) ocorreu nesta sexta-feira, 10, no auditório da Universidade do Estado do Amapá (Ueap). Os docentes, que serão multiplicadores da metodologia do programa em outros municípios, aprenderam técnicas que vão ajudar no reforço da alfabetização dos alunos, para que eles ingressem mais bem preparados no Ensino Médio.

O Programa de Aprendizagem no Amapá garante a formação continuada dos professores para que nenhum aluno fique sem saber ler e escrever nos anos iniciais do Ensino Fundamental até o 5º ano, alfabetizando 100% das crianças. Será trabalhada a equidade dos alunos amapaenses em Língua Portuguesa e Matemática, entre outras áreas do conhecimento, reforçando a qualidade dos conteúdos aplicados em sala de aula.

A expectativa é que a iniciativa atenda mais de 80 mil alunos das redes estadual e municipal no próximo ano. O último encontro dos docentes ocorreu nos dias 20 e 21 de outubro. As orientações sobre as ações que serão desenvolvidas para reforçar a aprendizagem dos estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental serão realizadas até março de 2018.

Para o professor Graciano dos Santos, que será multiplicador no município de Mazagão, o programa permitirá trocar experiências com os outros professores e fortalecer o ensino dos alunos. “Aqui temos palestras e oficinas que nos ajudam a reforçar a educação em sala de aula. Poderemos identificar melhor as dificuldades dos alunos e propor soluções”, considera.

PAAP

O Programa de Aprendizagem no Amapá foi lançado em junho deste ano pelo Governo do Amapá, em parceria com o Governo do Ceará, e seguirá a metodologia utilizada no Programa de Aprendizagem na Idade Certa (Mais Paic) do governo cearense. Busca assegurar a conclusão dos estudos na idade recomendada e, assim, melhorar o fluxo, diminuindo a repetência, a evasão escolar e o abandono por meio do aprimoramento da qualidade de ensino.

O programa vai oferecer cooperação técnico-pedagógica aos municípios para a implantação e implementação de propostas didáticas de alfabetização. A Secretaria de Estado da Educação (Seed) vai disponibilizar aos municípios orientações sobre o programa, materiais didáticos e metodologias de ensino, entre outros suportes técnicos e de avaliação, cedidos pelo governo cearense. Em contrapartida, os municípios devem disponibilizar estrutura e apoio para a implantação do programa, além de sensibilizar os servidores e comunidade sobre a proposta de ensino.