Educação

Secretaria de Estado da Educação

Acessibilidade: A+ A() A-

 NOTÍCIAS

I Jornada Pedagógica Colabora Amapá Educação inicia por Oiapoque

Por: Caroline Mesquita - 01/02/2018 - 18:12

Foto: Seed

Começou pela cidade de Oiapoque e percorrerá todos os municípios do Estado a I Jornada Pedagógica Colabora Amapá Educação. O objetivo é construir estratégias para a melhoria dos resultados de aprendizagem dos estudantes das redes municipal e estadual de Educação, por meio do trabalho conjunto em Regime de Colaboração.

O evento ocorreu na terça-feira, 30, e buscou apresentar aos gestores, professores e coordenadores pedagógicos como funciona o Colabora Amapá Educação e de que forma será realizada a formação dos docentes pelo Programa de Aprendizagem no Amapá (PAAP). Somente em Oiapoque há 47 escolas públicas, sendo 26 da rede estadual e 21 da rede municipal, incluindo as indígenas e rurais, que são regiões de difícil acesso.

Na oportunidade, foram repassadas orientações de planejamento de todas essas ações nas escolas, das diretrizes do programa Mais Alfabetização e a implementação da Base Nacional Comum Curricular no Estado. O secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, Rafael Pontes, ministrou oficina de construção de editais para pesquisa.

No encerramento, houve a palestra “Competências socioemocionais: formando educadores para o século 21”, ministrado por Ruimarisa Martins, coordenadora do Colabora Amapá Educação. A intenção é que cada professor, antes de retornar para sala de aula, possa refletir sobre suas próprias atitudes e práticas, para poder ajudar seus alunos a desenvolverem suas competências socioemocionais. 

Participaram do evento o vice-prefeito de Oiapoque, Erlis Karipunas; o presidente do Conselho Municipal de Educação, José Wellington Ferreira; e a titular da Secretaria Extraordinária de Povos Indígenas, Eclemilda Maciel.

Colabora Amapá Educação

O programa visa integrar ações conjuntas entre Estado e municípios com apoio técnico nos eixos administrativo e de aprendizagem. No administrativo, deverá ocorrer promoção recíproca de profissionais para organização das redes; uso compartilhado de prédios e equipamentos; implementação de Sistema de Gestão Integrada – matrícula, transporte e outros; otimização de recursos federais, estaduais e municipais e Coordenação dos Projetos, além do alinhamento do Regime de Colaboração aos programas federais.

No eixo de aprendizagem, o Colabora Amapá compreende que a educação deve garantir o desenvolvimento dos estudantes em todas as suas dimensões – intelectual, física, emocional, social e cultural e se constituir como projeto coletivo, compartilhado por crianças, jovens, famílias, educadores, gestores e comunidades locais. Assim, a iniciativa é uma proposta que tem como foco a formação de sujeitos críticos, autônomos e responsáveis consigo mesmos e com o mundo, respeitando ainda o lado cognitivo e socioemocional dos estudantes.