Educação

Secretaria de Estado da Educação

Acessibilidade: A+ A() A-

 NOTÍCIAS

Estudantes amapaenses vão participar de semana de imersão na cultura dos Estados Unidos

Por: Wellington Costa - 29/05/2018 - 10:56

Foto: Sem Autor da Midia

Três estudantes da rede estadual de ensino do Amapá irão participar de uma semana de imersão na cultura dos Estados Unidos. Isabela da Silva Parente, Izabela Picanço Borges e Richard da Silva Lima embarcam no final de junho para Brasília (DF), onde acontecerá a programação na Embaixada Americana.

Os três estudantes foram automaticamente selecionados para o programa English Immersion USA Program – EIP/2018 após se tornarem finalistas do programa Jovens Embaixadores 2018. A imersão na Casa Thomas Jefferson, da Embaixada dos Estados Unidos em Brasília, acontecerá de 1º a 6 de julho.

Para conquistar a vaga, entre outros critérios, os jovens foram analisados pelo desempenho escolar, nível de domínio do inglês, boa relação com sua escola e comunidade. Características pessoais como capacidade de comunicação, liderança e proatividade também foram avaliadas. Além disso, o candidato tinha que ter realizado algum trabalho voluntário por, pelo menos, um ano e nunca ter viajado aos Estados Unidos.

Na época em que a Isabela Parente e o Richard Lima se inscreveram na seletiva, eles estavam concluindo o ensino médio nas escolas estaduais Augusto Antunes, no município de Santana, e Elias de Freitas Trajano de Souza, na cidade de Porto Grande, respectivamente. Hoje, Isabela cursa Sociologia na Universidade Federal do Amapá (Unifap) e Richard, Engenharia Civil.

“Estou ansiosa para participar da programação. Na atual situação em que estamos vivendo, de que cada vez o mercado de trabalho está mais exigente, cada diferencial pode se destacar. Acredito que pode ser um fator positivo essa experiência para meu futuro profissional”, avaliou Isabela Parente.

Richard aprendeu o idioma inglês na escola. Ao chegar em casa, ele corria para a frente do computador para assistir vídeos na internet, ler livros e ouvir músicas do idioma norte-americano. “Estou cursando Engenharia Civil e acredito que a imersão vai ser essencial para desenvolver minhas habilidades, já que inglês é extremamente necessário para a minha profissão”, pontuou o jovem.

Izabela Picanço é a única dos selecionados que ainda cursa o ensino médio. Estudante da Escola Estadual Augusto dos Anjos, em Macapá, a jovem conta que aprender o idioma inglês foi determinante para definir qual curso superior, seguir. “Bom, eu ainda estou em dúvida entre cursar Relações Internacionais ou Letras-Inglês. Acredito que o EIP irá me proporcionar novos conhecimentos, não somente sobre o idioma em si, mas sobre a cultura americana, e é algo que eu admiro muito”, comentou.

Para chegar à final, os jovens passaram por três fases de seleção, duas de proficiência na língua estrangeira e uma visita social. Cerca de 100 estudantes se inscreveram, 14 deles participaram das seletivas de prova escrita e oral de inglês. Os inscritos foram de escolas estaduais e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá (Ifap).

Ao final desse processo, quatro estudantes foram selecionados e receberam a visita dos assessores pedagógicos de cada município em suas residências. Os dados colhidos foram enviados à embaixada, responsável pela análise final e escolha. O acompanhamento do projeto no Amapá é realizado pelo Núcleo de Ensino Médio da Secretaria de Estado da Educação.

Jovens Embaixadores

O programa Jovens Embaixadores é uma iniciativa de responsabilidade social da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, em parceria com organizações públicas e privadas. Entre os principais colaboradores estão o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), a ampla rede de Centros Binacionais Brasil-Estados Unidos (BNCs), além de empresas que demonstram um claro comprometimento com a responsabilidade social corporativa: FedEx, MSD, Microsoft, IBM, Banco Bradesco e Boeing.