Educação

Secretaria de Estado da Educação

Acessibilidade: A+ A() A-

 NOTÍCIAS

Estudantes terão aplicativo para monitoramento da qualidade da merenda escolar

Por: Paula Monteiro - 07/11/2018 - 07:52

Foto: Erich Macias/Seed

Os estudantes da rede estadual de ensino público contarão com aplicativo de celular que os ajudará a monitorar a qualidade da merenda nos colégios. O aplicativo ‘Monitorando a Cidade’ foi apresentado aos gestores escolares nesta quinta-feira, 1 de novembro, no Centro de Valorização da Educação (Cveduc). A ferramenta tem questionário com perguntas a serem respondidas sobre a refeição do dia em cada escola.

O aplicativo está integrado nas ações do Projeto de Monitoramento da Merenda Escolar, iniciativa da Controladoria Geral da União (CGU) em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seed), Tribunal de Contas do Estado do Amapá (TCE/AP) e Controladoria Geral do Estado do Amapá (CGE/AP). O objetivo é melhorar a execução do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), por meio da participação e cooperação da comunidade escolar e gestores públicos responsáveis.

A expectativa é de que os trabalhos sejam iniciados dia 7 de novembro deste ano em seis escolas, onde haverá capacitação dos estudantes e coleta de dados do monitoramento por meio do uso do aplicativo. Fazem parte do projeto piloto as escolas Antônio Castro Monteiro, Augusto dos Anjos, Novo Saber Colégio Amapaense, Reinaldo Damasceno, Risalva do Amaral e Novo Saber Tiradentes, todas de Macapá.

Com o uso do aplicativo, os estudantes poderão utilizar os próprios celulares para registrarem imagens e avaliar a qualidade das refeições oferecidas em suas escolas. O gestor da Escola do Novo Saber Tiradentes, Ivan Serrão, esteve na apresentação do aplicativo. Ele acredita que “a tecnologia vai ajudar a garantir mais qualidade no ensino por meio de uma alimentação saudável e equilibrada”.

A secretária adjunta de políticas da educação da Seed, Neurizete Nascimento, enfatizou que a Secretaria de Educação trabalha na otimização do recurso público e na modernização da gestão, e que a utilização do aplicativo ajudará no controle e no monitoramento dessas ações. “O aplicativo nos ajudará a melhorar a aplicação do recurso destinado à merenda escolar e, assim, atender cada vez melhor os estudantes, o que é o nosso objetivo maior”, previu Neurizete.

A Secretaria de Educação conta com o Núcleo de Alimentação Escolar (NAE) para cuidar da qualidade da merenda, com uma equipe composta por 16 nutricionistas que trabalham durante o ano inteiro com elaboração do cardápio específico para cada módulo de ensino, análise nutricional de aluno, testes de aceitabilidade e palestras de capacitação para merendeiras, conforme estabelecido na legislação.

O superintendente da Controladoria Regional da CGU/AP, Thiago Monteiro, explicou que os dados colhidos através do aplicativo serão analisados, propiciando um estudo em conjunto com os gestores escolares e órgãos parceiros para mensurar as informações que irão subsidiar a tomada de decisões. “O principal objetivo do aplicativo é aperfeiçoar a execução da política pública, onde teremos informações atualizadas sobre essa performance na ponta, na entrega da alimentação dos estudantes”, disse Thiago.