Educação

Secretaria de Estado da Educação

Acessibilidade: A+ A() A-

 NOTÍCIAS

Formatura de escola militar de Santana mostra famílias envolvidas com gestão compartilhada

Por: Caroline Mesquita - 28/01/2019 - 09:23

Foto: Erich Macias

O momento foi memorável e, nem a chuva de fim de tarde desta sexta-feira, 25, atrapalhou a alegria e comunhão da primeira formatura de estudantes do 9º ano do ensino fundamental da Escola Estadual Professor Afonso Arinos de Melo Franco - primeira escola de Gestão Compartilhar Militar do município de Santana. O evento aconteceu na Praça Cívica da cidade.

Cerca de 40 estudantes marcharam e representaram os 54 alunos concluintes desta etapa da educação básica. Tudo era motivo de orgulho. O hino nacional tocado pela banda de música da Polícia Militar, as homenagens aos parceiros e colaboradores da escola, o certificado de honra dado aos estudantes Marcos Vinícius Gomes, Luana Moura e Ruth Santos, que tiveram os três melhores rendimentos educacionais do 9º ano.

O vice-governador, Jaime Nunes, esteve presente na cerimônia e reforçou o quanto as escolas que possuem gestão compartilhada entre a Secretaria de Estado da Educação (Seed), Polícia Militar (PM), e Corpo de Bombeiros Militar do Amapá (CBM/AP), estão dando excelentes resultados, tanto em ensino e aprendizagem dos alunos quanto nas comunidades que estão situadas.

“É uma celebração maravilhosa. Comemoramos aqui também o reconhecimento da ética, do respeito, da valorização da família, o civismo e a cidadania que são constantemente ensinados nas escolas militares. Este é um modelo de ensino que está dando certo, e por isso vamos ampliá-lo cada vez mais”, pontuou Nunes.

Mais educação e cidadania

Nos depoimentos dados por estudantes da escola Afonso Arinos, há uma coisa em comum: todos concordam que o modelo de ensino proporciona mais educação e cidadania. O formando Izael Freitas, 15 anos, é também morador do bairro Ambrósio, Área Portuária de Santana, mesmo local da instituição de ensino.

“A escola melhorou muito e o nosso bairro também, porque antigamente era conhecido como um bairro muito violento e, com a escola militar, essa realidade está mudando. Também consegui ganhar uma menção honrosa nas Olimpíadas de Matemática. Uma competição nacional que eu só consegui com ajuda dos meus professores e da escola”, frisou Izael.

A secretária de Estado da Educação, Goreth Sousa, lembrou que, em menos de um ano de implantação do novo projeto, a Escola Afonso Arinos, já tem resultados significativos. “Já fizeram resgastes importantes no ensino-aprendizagem dos estudantes e também na comunidade escolar. O número de matrículas quase dobrou em uma escola que, há pouco tempo atrás, estava perdendo alunos. Hoje revertemos esse quadro”, comparou Goreth.

Participação familiar

Um dado muito positivo na Escola Afonso Arinos é que a participação familiar é bastante presente. São 86% de frequência dos responsáveis dos estudantes e da participação da família nos eventos da instituição de ensino. Para o diretor da Afonso Arinos, tenente Leandro Cruz, essa presença é que faz a diferença do comportamento e dedicação do estudante nas aulas. “Esse projeto só dá certo se tiver essa parceria entre escola, comunidade escolar, estudantes, pais, e poder público.  Aqui temos muitas coisas a comemorar e vamos crescer ainda mais, com a ajuda da nossa população”, frisou o diretor.

Mais escolas militares

O vice-governador Jaime Nunes anunciou que Santana vai ganhar nesta gestão mais duas escolas militares. Uma administrada pela Polícia Militar e outra pela Marinha do Brasil. “Antigamente, nosso projeto era só de mais uma escola militar em Santana. Mas como o apelo da população santanense é grande por esse modelo de ensino, vamos implantar duas”, comentou Jaime, acrescentando ainda "que será implantado em 2020, o ensino médio na Escola Afonso Arinos para que os estudantes possam concluir a educação básica na escola."