segunda, 05 de dezembro de 2022 - 08:57h
Delegação de 25 professores de língua francesa do Amapá concluem Estágio Amazônico, em Caiena
A formação continuada propõe uma semana de imersão pedagógica e descoberta da cultura local.
Por: Caroline Mesquita
Foto: Arquivo/Seed
Professores tiveram conferências com especialistas da área de Língua Francesa.

Uma delegação de 25 professores do sistema de ensino amapaense está em Caiena, na Guiana Francesa, concluindo mais uma edição do Estágio Amazônico. Trata-se de uma parceria entre a Secretaria de Estado da Educação (Seed) e o Rectorat da Guiana Francesa (Extensão do Ministério da Educação Francês) para formação continuada de professores de Francês, do Amapá, e de Português, da Guiana Francesa. 

A imersão iniciou no dia 28 de novembro e encerrou na última sexta-feira, 2. Dos 25 professores amapaenses, 22 são da rede estadual, dois da rede municipal de Oiapoque e uma professora da Universidade Federal do Amapá (Unifap). Ao longo da semana, eles fizeram visitas pedagógicas em escolas, conferências com especialistas da área, oficinas de práticas pedagógicas, além da descoberta da cultura local.

Para Angleson Lima, coordenador do Estágio Amazônico pela Seed, ações como esta mostram como a língua francesa tem um espaço importante na educação do estado.

“Temos a implementação da proposta curricular da disciplina, inauguramos a escola bilíngue Marly Maria, que é bicampeã do projeto FracoEcolab de proteção dos oceanos, assim como nossos centros de língua e difusão da cultura francesa. O Amapá e a França estão conectados”, pontuou.

Para a professora Francimar Lopes, participante do Estágio Amazônico, o evento foi um momento memorável de trocas de conhecimentos e experiências.

“É uma imersão primordial para os profissionais de ensino da língua francesa”, considerou a docente da Escola Indígena Estadual João Batista Macial, em Oiapoque.

Estágio Amazônico

Iniciado em 2011, o intercâmbio de professores do Estágio Amazônico é o cumprimento de um acordo entre o Amapá e a Guiana Francesa – através da Seed e da Diretoria Educacional de Relações Europeias e Internacionais e Cooperação do Rectorat da Guiana –, celebrado ainda em 2008 e que deu origem ao Centro de Língua e Cultura Francesa Danielle Mitterrand.

A partir de março de 2018, com a retomada do convênio e assinatura de um novo protocolo, foi possível realizar o Estágio Amazônico no mesmo ano em Macapá, com a participação de uma delegação de 27 professores franceses para uma imersão pedagógica de uma semana.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

EDUCAçãO - Secretaria de Estado da Educação
Avenida FAB, 96 - Cep: 68900-073, Macapá/AP - (96) 3131-2200 - seed@seed.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2023 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá