segunda, 09 de setembro de 2019 - 10:05h
Em desfile cívico, estudantes enfatizam valorização da vida
Desfile cívico estudantil ocorreu na sexta-feira, 6, na Avenida FAB, e contou com a participação de 53 escolas da rede estadual da zona sul de Macapá e Santana.
Por: Caroline Mesquita
Foto: Erich Macias/Seed
Mais de duas mil pessoas, entre estudantes, profissionais da educação e sociedade civil, desfilaram na Avenida FAB, em Macapá

Respeito, diálogo, cooperação, empatia, confiança, paz e amor. Essas e mais outras palavras que remetem ao cuidado a si e as pessoas em geral fizeram parte do Desfile Cívico Estudantil 2019 realizado nesta sexta-feira, 6, na Avenida FAB, na capital amapaense, por estudantes das escolas estaduais da zona sul de Macapá e Santana.

Este ano o tema abordado pelo desfile é “Educação e valorização da vida”. Além da oportunidade de mostrar as práticas escolares de aprendizagem socioemocional desenvolvidas em cada uma das 53 escolas participantes, o espaço foi uma grande ação em prol do Setembro Amarelo – campanha nacional de prevenção ao suicídio.

Mais de duas mil pessoas, entre estudantes, profissionais da educação e sociedade civil, desfilaram na Avenida FAB, divididas em 13 pelotões e 10 bandas marciais. Um dos participantes do desfile foi o Elson Magno, 16 anos, estudante da Escola Estadual Santa Inês, em Macapá. Para ele, o tema abordado esse ano é essencial, pois há muitos jovens depressivos e que precisam de ajuda.

“Esse tema é muito importante e deve ser tratado com responsabilidade e empatia. E eu acredito que a escola é o lugar de acolhimento, que pode transformar a vida de qualquer pessoa, inclusive da que está com a saúde mental fragilizada”, defendeu o estudante.

Paulo Eduardo Furtado, 14 anos, estudante do 9º ano do ensino fundamental na Escola Estadual Dom Aristides Piróvano, também da capital, desfilou com a faixa “Pratique a empatia e ajude a florescer o mundo”. Para ele, é imprescindível se colocar no lugar do outro e ter mais cuidado com palavras e ações.

“O desfile nos permite refletir sobre a valorização da vida. E aqui deixamos claro que a depressão pode atingir qualquer pessoa. É uma doença e deve ser tratada. Não é frescura, como algumas pessoas ignorantes pensam. Por isso, é necessário ter empatia”, frisou Paulo Eduardo.

A Secretaria de Estado da Educação (Seed) encerrou o desfile apresentando os projetos desenvolvidos pela pasta, entre eles o Programa Educação para a Paz (Epaz), que busca incentivar a prevenção à violência nas escolas estaduais e garantir mais qualidade no ensino; o Super Fácil Educação, que oferta serviços para estudantes e profissionais da área; e o Centro de Valorização da Educação (Cveduc), de apoio especializado em saúde física e mental, e formação continuada, visando maior qualidade de vida.

O evento contou com a participação de estudantes do Instituto Federal do Amapá (Ifap) e instituições como o Grupo Escoteiros do Mar Marcílio Dias e Centro de Valorização da Vida (CVV).

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

EDUCAçãO - Secretaria de Estado da Educação
Avenida FAB, 96 - Cep: 68900-073, Macapá/AP - (96) 3131-2200 - seed@seed.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2019 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá