quinta, 20 de outubro de 2022 - 14:06h
Projeto de escola estadual é selecionado para representar a região norte na etapa nacional de Olimpíada Brasileira
A proposta “Sempre Livre”, escrita por estudantes do ensino médio, fala sobre pobreza menstrual na escola e em outras instituições.
Por: Bárbara Ribeiro
Foto: Acervo Pessoal
Estudantes vão em busca do título nacional para a região norte em Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente.

O projeto "Sempre Livre", desenvolvido por alunos da Escola Estadual de Tempo Integral Maria do Carmo Viana, é um dos 36 trabalhos escolhidos para representar a região norte na etapa nacional da 11ª Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente (Obsma), que acontece entre os dias 6 e 9 de dezembro, no Rio de Janeiro. 

"Sempre Livre" fala sobre a pobreza menstrual enfrentada dentro das escolas públicas e outras instituições presentes na sociedade, como o presídio feminino. 

Escrito pelos estudantes Érika Patrícia, Jeferson Silva e Saíra Nogueira, do 2º ano do ensino médio, e com apoio das professoras Rosilene Cardoso e Aldenir Freire, o projeto concorreu com outros trabalhos de outros estados da região norte na etapa regional, conquistando o primeiro lugar na categoria Projeto de Ciências -  Ensino Médio.

Para Érika Patrícia, representar não só seu estado, mas também a região norte do país em uma olimpíada superou as expectativas dela e dos seus colegas.

“Sempre acreditamos que o projeto sairia dos muros da nossa escola, mas chegar na etapa nacional, com toda essa visibilidade e responsabilidade, superou as expectativas. Para mim, por exemplo, é a primeira experiência científica nacional que tenho”, disse a estudante.

A professora Rosilene, que leciona história, acredita que mais do que ter levado o primeiro lugar na etapa regional e estar concorrendo na etapa nacional, o verdadeiro prêmio é o reconhecimento.

“Ter dado a notícia pra eles, que tínhamos levado o regional e estávamos concorrendo na etapa nacional, foi o momento que a gente percebeu que os nossos esforços não foram em vão, significa muito”, se emocionou a professora.

Sobre a Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente 

A Obsma é um projeto educativo bienal promovido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para estimular o desenvolvimento de atividades interdisciplinares nas escolas públicas e privadas de todo o país. Dentre os principais objetivos,estão o reconhecimento do trabalho desenvolvido por professores e alunos nas escolas e a cooperação com a divulgação de ações governamentais criadas em prol da educação, da saúde e do meio ambiente.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

EDUCAçãO - Secretaria de Estado da Educação
Avenida FAB, 96 - Cep: 68900-073, Macapá/AP - (96) 3131-2200 - seed@seed.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2022 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá